ita | eng | fra | deu | esp | por
ita | eng | fra | deu | esp | por

Tradição

No início dos anos 1900, em um pequeno vilarejo da província de Cuneo, no sopé do Monviso, surgiu um forno modesto onde o pão dourado era assado diariamente, com uma crosta crocante e saborosa. Este ritmo de trabalho manteve-se inalterado durante anos até que, um dia, com a mudança dos tempos e das coisas, decidiu-se timidamente experimentar o uso da arte da fermentação natural (que já era usada para o pão) na produção de doces.

Neste exato momento, surgiu o primeiro "Panettone Albertengo" e ao perfume tradicional do pão, adicionou-se o delicado e saboroso aroma dos doces. Depois daquele dia, muitos anos se passaram e muito foi percorrido no caminho da qualidade e especialização neste campo para trazer até os dias de hoje, em nossas mesas produtos altamente qualificados, ideais para os paladares mais exigentes e delicados.